“Terra em Transe”

Um dos filmes clássicos do diretor Glauber Rocha – “Terra em Transe” (1967) foi levado aos palcos pelas mãos da Cia. Bará. A ideia do grupo é montar a Trilogia da Terra, de Glauber. Na sequência, devem vir as montagens adaptadas de “Deus e o Diabo na Terra do Sol” (1964) e “A Idade da Terra” (1980).

site

“Terra em Transe” fala de um país fictício dos trópicos, onde o poeta Paulo Martins, artista revolucionário com ideais anarquistas, luta por melhorias para o seu povo. O poeta vive a tragédia da decisão quando se percebe imerso na disputa de poderes entre o político populista Felipe Vieira e o seu antigo amigo, o senador fascista Don Porfírio Diaz, que com o apoio de empresas estrangeiras pretende aplicar um golpe de estado e submeter à nação a uma ditadura moralista.
O poeta precisa decidir entre manter a fidelidade àquele que foi seu amigo ou conspirar para derrubá-lo. Dividido entre seus deveres e compromissos e o amor que sente por Sara, professora idealista e ativista, ele deverá fazer escolhas que podem decidir o futuro de El Dourado frente às forças que disputam pelo poder.
O diretor Diego Gonzalez, em uma entrevista ao site Globo Teatro, fala sobre a adaptação do texto para os palcos – “Para transpor essa história para o teatro, imergimos num trabalho de pesquisa que durou um ano, no qual procuramos evidenciar a importância do filme ao contribuir para a formação ideológica de toda uma geração nas décadas de 1960 e 1970”.

11923204_702036933230016_572388806708552805_n

Como cenografia, tem-se no palco somente uma escada, sobre a qual ficam os poderosos, e são projetadas cena do filme original misturadas com imagens recentes das manifestações que aconteceram recentemente no país.
Para amarrar as cenas, a Cia. Bará “…utiliza música, dança e alguns trabalhos de performance para explicar algumas coisas e amarrar as cenas”, explica Gonzalez.

‪#‎TerraEmTranse‬ ‪#‎Teatro‬ ‪#‎TeatroMusical‬ ‪#‎VáAoTeatro‬ ‪#‎CiaBará‬‪#‎OpiniãoDePeso‬ ‪#‎GlauberRocha‬ ‪#‎diegogonzalez‬

11825905_694801693953540_7903286608809114144_n

“Terra em Transe”
Com Cia. Bará – Alcides Peixe, Aluado Ramoony, Irun Gandolfo,
Flavio KaGe, Felipe Tchaça, Ruan Azevedo e Sophia Aloha
Teatro Sede Luz do Faroeste (Rua do Triunfo, 301 – Santa Efigênia, São Paulo)
Duração 140 minutos
04/08 até 29/09
Terça – 20h
Entrada – Contribuição Voluntária

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s