MASTERCLASS COM TIM CROUCH

O 8º Ciclo do Núcleo de Dramaturgia SESI-British Council oferece masterclass com o dramaturgo, diretor e ator britânico, Tim Crouch, no dia 19 de outubro, das 14h30 às 16h, no Mezanino do SESI-SP.

Na masterclass A Tirania da Grandeza, Crouch usa a obra de William Shakespeare como uma referência, propondo olhar o mundo sob a perspectiva dos personagens secundários, das pessoas sem poder, das vozes não ouvidas. Tim vai explorar diversas abordagens para libertar Shakespeare de sua reputação como uma grande figura literária e resgatar sua força como um poeta vivo nos dias de hoje. O curso combina exercícios práticos de escrita com exemplos e técnicas a serem aplicadas.

As oficina é gratuita e as inscrições estão abertas até o dia 10 de outubro pelo site www.sesisp.org.br/dramaturgia.

Tim é um premiado criador e dramaturgo britânico.  Especialista na obra do bardo inglês ele trabalha há décadas com teatro experimental, tornando a plateia personagem das encenações. É conhecido no Brasil pelos espetáculos Eu, Malvolio (2014), inspirado na peça Noite dos Reis, de William Shakespeare, e Inglaterra (2013).

tim-crouch_fotob_amelia-dowd

 

Masterclass A Tirania da Grandeza
Com Tim Crouch.
Espaço Mezanino do SESI-SP (Av. Paulista, 1313 – Cerqueira César, São Paulo)
19/10
Quarta – 14h30
Grátis
As inscrições até o dia 10 de outubro pelo site www.sesisp.org.br/dramaturgia.
Capacidade: 50 lugares.

OPERILDA NA ORQUESTRA AMAZÔNICA

O musical infantil Operilda na Orquestra Amazônica faz curta temporada de 1º a 16 de outubro, no Teatro Porto Seguro. Com direção geral deRegina Galdino e direção musical do maestro Miguel Briamonte, o musical conta a história de Operilda, uma bruxinha engraçada, interpretada pela atriz e autora Andréa Bassitt. O cenário, assinado por Marco Lima, traz referências à Floresta Amazônica.

Operilda é apaixonada pelo Brasil e tem uma missão: contar a história da música erudita brasileira para as crianças, em apenas uma hora. Se conseguir, vai ganhar uma orquestra completa só para ela. Para isso, sua tia Opereta lhe dá uma camerata de seis músicos eruditos e Livrildo, um livro mágico que vai ajudá-la nessa jornada. Ao longo do espetáculo, Operilda passeará por diferentes ritmos musicais, estilos e compositores para conseguir cumprir sua tarefa.

Em cena, Andréa Bassitt se apresenta ao lado dos músicos Elaine Giacomelli (piano), Cássia Maria (percussão), Clara Bastos (contrabaixo), Paula Souza Lima (violino), Joca Araújo (clarinete e flauta) e Joyce Peixoto (trombone). O repertório traz composições de nomes importantes da música erudita brasileira, como Alberto Nepomuceno, Padre José Maurício, Carlos Gomes, Villa-Lobos, Camargo Guarnieri e Guerra-Peixe, e da música popular, como Ernesto Nazareth, Chiquinha Gonzaga, Xisto Bahia e Tom Jobim, além de canções de origens folclórica, africana e indígena. Tocando ao vivo, os músicos interagem com a plateia mostrando que a música erudita não é uma arte de difícil acesso.

Em 2013, o espetáculo foi vencedor dos Prêmios APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte), como Melhor Musical Infantil, e FEMSA na Categoria Especial pela divulgação da música erudita e folclórica.

 

Operilda na Orquestra Amazônia
Com Andréa Bassitt, Elaine Giacomelli (piano), Cássia Maria (percussão), Clara Bastos (contrabaixo), Paula Souza Lima (violino), Joca Araújo (clarinete e flauta) e Joyce Peixoto (trombone).
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 60 minutos
01 a 16/11
Sábado e Domingo – 15h
$30/$40
Classificação livre

NOITES DE ORFEU

 

O cantor Toni Garrido apresenta espetáculo inédito costurado por meio da personagem Orfeu, que interpretou no filme do diretor Cacá Diegues, em 1999. O show tem como base o espetáculo Orfeu da Conceição, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, de 1954, baseada no drama da mitologia grega de Orfeu e Eurídice.

No palco, Toni Garrido é acompanhado por piano, baixo acústico, violão, bateria, percussão e um quarteto de cordas.

maxresdefault-1

Noites de Orfeu
Com Toni Garrido
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 90 minutos
29/11
Terça – 21h
$80/$110
Classificação 14 anos

NOVOS MARES

 

Neste show, dirigido por Gustavo Kurlat, Fortuna resgata músicas interpretadas pelos judeus que emigraram para várias partes do Novo Mundo, inclusive a região do Mediterrâneo, África do Norte e Oriente Médio.Mais autoral, a cantora assina a composição de cinco das treze músicas do repertório do show.

Entre os destaques do repertório, a canção Branca Dias, composição de Fortuna em parceria com Gabriel Levy  e Leo Cunha, e Dona Nobis Pacem, atribuída a Mozart, em uma interpretação em parceria com Carlos Zarur, cantada em árabe, ladino e hebraico.

Noves Mares
Com Fortuna
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 60 minutos
22/11
Terça – 21h
$60/$80
Classificação livre

O HOMEM BRUXA

 

Acostumado a surpreender o público, desta vez o artista está sozinho no palco, tocando, com bom humor, todos os instrumentos (piano, baixo, guitarra, bateria, percussão, conga, teclado e a tradicional flauta chinesa Hulusi), além de dançar, atuar, fazer mágicas e até levitar, ponto alto da apresentação.

O espetáculo mescla projeções, instrumentos “que falam” e bases pré-gravadas com outras criadas na hora. Em uma das projeções seu pai, Antônio Abujamra, o grande homenageado do espetáculo e um dos maiores nomes da dramaturgia brasileira, falecido em 2015, recita uma poesia de dentro de uma nave.

O Homem Bruxa
Com André Abujamra
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 60 minutos
15/11
Terça – 21h
$50/$80
Classificação: 10 anos.

 

AXÉ, A VOZ E O VIOLÃO

 

Com 35 anos de carreira, Daniela Mercury, acompanhada pelo instrumentista Alex Mesquita – responsável por transpor os arranjos para o violão -, interpreta  canções que passeiam pelos seus 16 álbuns solo e algumas releituras de clássicos da MPB. O repertório vai de canções românticas como À Primeira Vista, Meu Plano, Como Vai Você e Nobre Vagabundo, axés como Ilê Pérola Negra (Ilê),Música de Rua, Swing da Cor e Canto da Cidade a clássicos da MPB, como Noturno (Coração Alado), gravado por Fagner; Como Nossos Pais, eternizada na voz de Elis Regina e Superhomem, A Canção, de Gilberto Gil.

Há ainda, um momento à capella na interpretação de O Bêbado e A Equilibrista, de João Bosco. O show é entrelaçado por histórias de carreira e da vida pessoal de Daniela, contadas com emoção e graça.

Axé, a Voz e o Violão
Com Daniela Mercury
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 135 minutos
08/11
Terça – 21h
$100/$150
Classificação 12 anos

TIC TIC TATI

 

Com direção geral de Roberto Lage, Tic Tic Tati reúne poemas de Tatiana Belinky, musicados por Hélio Ziskind. O espetáculo foi idealizado pela cantora Fortuna para unir literatura e música para todas as idades, homenageando, assim, uma das mais importantes escritoras infanto-juvenis contemporâneas, Tatiana Belinky(1919-2013), com mais de 250 livros publicados e inúmeros trabalhos em televisão, teatro e jornais.

No repertório estão 10 músicas adaptadas dos poemas de Tatiana, composições inéditas de Ziskind e também uma versão de O Vira, sucesso dos Secos & Molhados. No palco, Fortuna é acompanhada por cinco cantores-bailarinos e quatro músicos num projeto que une cantigas populares, diversão e conhecimento.

Tic Tic Tati
Com Fortuna
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 60 minutos
19/11 até 11/12
Sábado e Domingo – 15h
$40/$60
Classificação livre