ÍCONES DE HOLLYWOOD – FOTOGRAFIAS DA FUNDAÇÃO JOHN KOBAL

Retratos e imagens de cena registradas durante a era de ouro do cinema americano integram a mostra Ícones de HollywoodFotografias da Fundação John Kobal, que abre ao público no dia 17 de fevereiro, sexta-feira, com visitação gratuita, a partir das 10h, no Espaço Cultural Porto Seguro.

A exposição, com curadoria de Robert Dance e Simon Crocker, é composta por fotografias da Fundação John Kobal, um grande colecionador de fotos de clássicos do cinema – e revela momentos e personagens inesquecíveis de Hollywood e seus filmes, captados por fotógrafos atuantes nos bastidores da maior indústria do cinema, em seu período áureo.

Com 161 fotos de mais de 40 fotógrafos, das décadas de 1920 a 1960, as imagens trazem um recorte histórico sobre como muitos filmes foram eternizados. A visitação acontece em ordem cronológica, a começar pelas lendas do cinema mudo, Charlie Chaplin e Mary Pickford, continuando com performers dos primórdios do cinema falado, como Marlene Dietrich e Cary Grant, e encerrando com expoentes do pós-guerra, como Marlon Brando, Sophia Loren e Marcello Mastroianni.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ícones de Hollywood Fotografias da Fundação John Kobal apresenta autores de retratos e imagens de cena tardiamente reconhecidos, que trabalharam silenciosamente nos bastidores, mas cujas fotografias foram fundamentais para a criação de estrelas e a promoção de filmes. As incontáveis imagens distribuídas pelos estúdios de Hollywood, ao longo de toda sua era de ouro, eram obras de artistas que trabalhavam de forma rápida, eficaz e frequentemente brilhante para promover o estilo hollywoodiano. São imagens de cena oriundas de estúdios como MGM, Paramount, Warner Brothers, Columbia, 20th Century Fox, Universal, RKO e United Artists.

A mostra apresenta fotografias de nomes como Ernest Bachrach (1899-1973) – mais conhecido por seus retratos de Katharine Hepburn; John Miehle (1902-1952) – responsável pela maioria das fotos de Fred Astaire e Ginger Rogers dançando em cena aberta; Ted Allan (1910-1993) – apelidado de “Rembrandt”, fotografou a maioria das estrelas do estúdio MGM; sua contribuição mais importante foi com a atriz e sex-simbol Jean Harlow, quando, ao contrario de George Hurrell (1904-1992), minimizou sua sensualidade realçando a sua beleza; John Engstead (1909-1983) – fez o retrato de Marlon Brando para Um Bonde Chamado Desejo (1951) e foi o fotógrafo exclusivo de Marlene Dietrich quando iniciou sua carreira musical; Robert Coburn (1900-1990) – fotografou todas as imagens de cena de King Kong (1933), muitas das quais feitas a partir de miniaturas; e a única fotógrafa da exposição, Ruth Harriet Louise (1903-1940) – a primeira a ter uma carreira significativa em Hollywood, trabalhando com as “novatas” Joan Crawford e Greta Garbo, ajudando a criar as imagens que definiram essas atrizes como estrelas.

John Kobal, inicialmente um entusiasta do cinema, se tornou jornalista, escritor e, por fim, antes de sua prematura morte em 1991, aos 51 anos, foi reconhecido como um dos mais proeminentes historiadores do cinema. Seu livro The Art of the Great Hollywood Portrait Photographers (1980) (A Arte dos Grandes Fotógrafos Retratistas de Hollywood) é ainda hoje referência para a pesquisa cinematográfica.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Exposição “Ícones de Hollywood – Fotografias da Fundação John Kobal”
Espaço Cultural Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 610, Campos Elíseos, São Paulo)
17/02 até 16/04
Terça a Sábado – 10h às 19h; Domingo e Feriado -10h às 17h (última entrada até 30 min antes do horário de encerramento).
Entrada gratuita
Classificação livre
 
Estacionamento: Alameda Barão de Piracicaba, 634 (sede Porto Seguro) – Até 1h30 gratuito. 1ª, 2ª e 3ª hora adicional R$ 10,00 a hora. A partir da 4ª hora adicional, R$ 5,00 a hora. Segunda a sexta a partir das 17h30 – R$ 20,00 (preço único). Sábados, domingos e feriados – R$ 20,00 (preço único). Cliente Porto Seguro tem 50% de desconto.
Serviço de vans: o Espaço Cultural Porto Seguro oferece vans gratuitas da Estação Luz até as dependências do Espaço.
Restaurante Gemma – Terças a sextas-feiras das 10h às 19h; sábados das 10 às 18h e domingos das 10h às 16h.

 

 

FORTUNA

Comemorando 17 anos, o Grupo Gattu reestreia o espetáculo “Fortuna”,  no dia 03 de fevereiro, às 21h, no Teatro Alfredo Mesquita, em Santana. As apresentações acontecem de sexta a domingo. O texto e a direção são de Eloisa Vitz.

Ambientado no ano de 2120, o espetáculo Fortuna conta a história de Maria que após passar por um método de criogenia humana é descongelada sem nenhuma memória e com e desafio de reconstruir sua vida. Buscando os fios da teia que tecem sua Fortuna, ela irá descobrir um novo mundo com ajuda dos cientistas e equipe da clínica onde acontece seu novo despertar.

Com poesia, pitadas generosas de humor e surpresa, Fortuna traz aos palcos uma reflexão acerca do destino, do que esta ou não traçado.

Na montagem de “Amor” (2015), primeira parte da nossa trilogia, apresentamos um espetáculo onde era possível viajar, rir e se emocionar numa trama que permitia as pessoas saírem flutuando do teatro.

Desta vez o Grupo Gattu me pediu um novo texto, provocativo e que tratasse de determinação, do poder de decisão e de ter as rédeas da nossa vida. Além disso, depois do “Amor”, naturalmente viria a “Fortuna”, brinca Eloisa Vitz sobre o sétimo texto assinado por ela para o Grupo Gattu. Eloísa, já foi indicada ao Prêmio FEMSA Coca-Cola em 2012, como Melhor texto adaptado para teatro infantil por “Rapunzel”, e venceu em 2014 o Prêmio de Melhor texto original do Portal R7, com “Reino”.

Eloísa Vitz, é também a mulher que mais montou Nelson Rodrigues no Brasil, foram 4 montagens, e este ano, o Grupo Gattu foi contemplado com o Prêmio Zé Renato para montagem de “A Falecida” (que estreará  em março de 2017).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fortuna
Com Eloisa Vitz, Miriam Jardim, Daniel Gonzales, Laura Vidotto, Mariana Fidelis e Rodrigo Vicenzo.
Teatro Alfredo Mesquita (Avenida Santos Dumont, 1770 – Santana, São Paulo)
Duração 75 minutos
03 a 19/02
Sexta e Sábado – 21h; Domingo – 19h
$20
Classificação 16 anos
Texto e Direção: Eloísa Vitz
Crédito das fotos: Lenise Pinheiro
Estacionamento gratuito

IV MOSTRA PETROBRÁS PREMMIA DE TEATRO

Através do Programa Petrobrás Distribuidora de Cultura o teatro brasileiro tem circulado pelas regiões do Brasil. Espetáculos de qualidade, produzidos por companhias, grupos e produtores independentes, circulam pelos mais variados pontos do país, fomentando o teatro brasileiro, proporcionando o intercâmbio entre os profissionais e o público das diversas cidades do país.

A IV Mostra Petrobras Premmia de Teatro, em parceria com o Auditório Ibirapuera – Oscar Niemeyer e o Itaú Cultural, contará com oito espetáculos que subirão ao palco do Auditório Ibirapuera, em São Paulo. A 4ª edição da Mostra priorizou reunir alguns dos melhores espetáculos que circularam pelo Brasil dentro do Programa Petrobras Distribuidora de Cultura 2015/2016, levando ao público um painel da produção teatral contemporânea a preços populares, com ingressos a R$ 20, e apresentações aos sábados (21 horas) e domingos (19 horas). Participantes do programa de fidelidade Petrobras Premmia podem trocar pontos por ingressos e terão direito a lugares reservados, além de encontro com o elenco após cada espetáculo.

Pela primeira vez, a Mostra irá homenagear um profissional do teatro: o ator, palhaço, teatrólogo, diretor, roteirista, cenógrafo, empresário, produtor cultural e amigo Domingos Montagner, que participou com sua Cia La Mínima das duas últimas edições da Mostra, com o espetáculo Mistero Buffo, e já estava confirmado para participar desta edição, com o espetáculo Rádio Variété.

A Mostra é realizada pela produtora Realejo Produções Culturais, responsável pela montagem de vários espetáculos teatrais nos últimos anos, e pelo Itaú Cultural, que já realizou em 2014 a mesma parceria.

Programação Geral da Mostra

 

18 e 19 de FevereiroRádio Variété

Com Fernando Sampaio, Fernando Paz e Felipe Bregantim, direção Domingos Montagner e Fernando Sampaio

25 e 26 de Março – Trágica.3

Com Denise Del Vecchio, Leticia Sabatella, Miwa Yanagizawa, Fernando Alves Pinto e Marcelo H., direção Guilherme Leme

22, 23 de Abril  – Conselho de Classe

Com Leonardo Netto, Marcelo Olinto, Lourival Prudêncio, João Rodrigo Ostrower, Thierry Trémouroux, Cesar Augusto, direção Bel Garcia e Susana Ribeiro

27, 28 de Maio – Vianinha conta o Último Combate do Homens Comum

Com Isío Ghelmam, Ana Barrosos e Ana Veloso e elenco, direção Aderbal Freire-Filho

17 e 18 de Junho – Contrações

Com Debora Falabella e Yara de Novaes, direção de Grace Passô

24 e 25 de Junho – BR TRANS

Com Silverio Pereira, direção Jezebel De Carli

01 e 02 de Julho – Nós Sempre Teremos Paris

Com Françoise Forton e Maurício Baduh, texto de Artur Xexéu, direção de Jacqueline Laurence

evento-desktop-superbanner.jpg

 

Ficha Técnica da Mostra:
 
Coordenação do projeto: Celso Lemos
Direção de produção: Lilian Bertin
Produção executiva: Bárbara Montes Claros e Augusto Vieira
Programação visual: Duddu Rodrigues
Assessoria de imprensa: Morente Forte Comunicações
Clippagem e valoração: Clipping Service
Fotógrafo: Thiago Solano
Assessoria jurídica e contabilidade: Coarte Assessoria
Coordenação administrativa: Heloisa Lima
Realização: Realejo Produções Culturais