A CASA DOS BUDAS DITOSOS

O Theatro NET São Paulo recebe A Casa dos Budas Ditosos, com a atriz Fernanda Torres, em curta temporada de 10 a 26 de março, sextas às 21h, sábados às 21h e domingos às 18h.

O espetáculo é uma versão para teatro, assinada pelo diretor Domingos de Oliveira, do romance clássico do escritor baiano João Ubaldo Ribeiro. Em cena, uma libertina sexagenária narra, sem nenhum pudor, passagens de sua vida sexual, evocando a felicidade e a luxúria.

Fernanda Torres vive a rica personagem – identificada apenas pelas iniciais CLB – do monólogo picante, cômico e filosófico. Maior sucesso da carreira teatral da atriz, o espetáculo estreou em 2003 e segue carreira. A peça já rendeu à atriz o Prêmio Shell em São Paulo e o Prêmio Qualidade Brasil de melhor atriz, diretor e comédia em 2004.

Para viver a personagem, Domingos de Oliveira pensou que precisava de alguém que soubesse transitar por todas as idades, pelas diversas fases da personagem. Ao diretor, pareceu que uma atriz que estivesse entre os 35 e os 40 e poucos, a melhor idade na vida de qualquer mulher, segundo a baiana do livro, seria o ideal para criar essa diversidade.

A encenação é clean, limpa. No palco nu, a personagem está sentada, acompanhada apenas de alguns objetos, entre eles o livro Nossa Vida Sexual, de Fritz Khan, da biblioteca do avô da personagem – encontrado em um sebo de São Paulo – e os dois Budas Ditosos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Casa dos Budas Ditosos
Com Fernando Torres
Theatro NET SP – Shopping Vila Olímpia (R. Olimpíadas, 360 – Vila Olimpia, São Paulo )
Duração 90 minutos
10 a 26/03
Sexta e Sábado – 21h; Domingo – 18h
$50/$150
Classificação 18 anos
 
Autor: João Ubaldo Ribeiro
Direção: Domingos de Oliveira.
Dramaturgia: Domingos de Oliveira e Fernanda Torres.
Direção de arte: Daniela Thomas.
Figurino: Cristina Camargo.
Light Designer: Wagner Pinto.
Tilha sonora: Jonas Rocha e Domingos de Oliveira 
Assessoria de Imprensa: Arteplural Comunicação

 

A CASA DOS BUDAS DITOSOS

Em A Casa dos Budas Ditosos, uma comédia afrodisíaca adaptada por Domingos de Oliveira do romance homônimo de João Ubaldo Ribeiro, a atriz Fernanda Torres interpreta uma libertina baiana sexagenária que detalha as incontáveis experiências sexuais que teve ao longo da vida. O espetáculo já rendeu à atriz a vitória do Prêmio Shell em São Paulo e Prêmio Qualidade Brasil de melhor atriz, diretor e comédia em 2004.
 
6bxca6amvbbjht1zsiuv44cc3
A Casa dos Budas Ditosos
Com Fernanda Torres
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 80 minutos
19,20 e 21/02
Sexta- 21h; Sábado – 18h e 21h; Domingo – 18h
Recomendação 18 anos
$90 / $120
 
Texto: João Ubaldo Ribeiro
Direção: Domingos de Oliveira
Dramaturgia: Domingos de Oliveira e Fernanda Torres

“A Casa dos Budas Ditosos”

O monólogo com a atriz Fernanda Torres já rendeu à atriz a vitória do Prêmio Shell (SP) e Prêmio Qualidade Brasil de melhor atriz, diretor e comedia em 2004. Nestes 10 anos, mais de 350.000 espectadores já conferiram este sucesso.

A peça é uma comédia afrodisíaca adaptada por Domingos de Oliveira do romance homônimo de João Ubaldo Ribeiro. Fernanda Torres interpreta uma libertina baiana sexagenária que detalha as incontáveis experiências sexuais que teve ao longo da vida.

Para viver a personagem, Domingos pensou que “precisava de alguém que soubesse transitar por todas as idades, pelas diversas fases da personagem”.Ao diretor, pareceu que uma atriz que estivesse “entre os trinta e cinco e os quarenta e poucos, a melhor idade na vida de qualquer mulher”. Segundo a baiana do livro, seria o ideal para criar essa diversidade.

Fernanda Torres encontrou nesse convite o projeto ideal para experimentar a possibilidade de se fazer teatro apenas com um ator, um texto e um microfone. Era uma vontade antiga que a atriz alimentava desde que assistiu pela primeira vez a Spalding Gray. A contundência do discurso sexual da baiana e a qualidade do texto de João Ubaldo deram segurança aos dois, Domingos e Fernanda, de optar pela limpeza absoluta, de confiar na máxima de que quanto menos, mais. Arriscaram deixar a personagem sentada, acompanhada apenas de alguns objetos, entre os quais, o maravilhoso livro Nossa Vida Sexual, de Fritz Khan, da Biblioteca do Avô da personagem, (que tivemos a alegria de encontrar num sebo de São Paulo) e os dois Budas Ditosos, estatuazinha em miniatura de dois budinhas praticando o sexo, “essas coisas milenares, de Chinês”.

(crédito fotos – Luciana Prézia)

“A Casa dos Budas Ditosos”
Com Fernanda Torres
Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740, Campos Elíseos – São Paulo)
Duração 80 minutos
21 a 23/08
Sexta – 21h; Sábado – 18h e 21h; Domingo – 19h
$70 / $100