“Animais de Hábitos Noturnos”

O diretor Robson Phoenix, que tem a sua trajetória profissional ligada à obra de Caio Fernando Abreu (1948-1996), costurou fragmentos e personagens de seus contos, entre eles Dama da Noite e Os Sapatinhos Vermelhos, para construir o espetáculo “Animais de Hábitos Noturnos”.
Sucesso de público e crítica, a montagem estreou em 2014 e retorna para mais uma curta temporada (a terceira!) em São Paulo, no dia 28 de agosto, no Espaço Parlapatões.
Animais de Hábitos Noturnos flagra quatro personagens, dois casais, numa noite qualquer, em lugar indeterminado de alguma metrópole, repassando suas histórias de: (des)amor, sexo, solidão, carência, desejo, saudade, falta, tentativas, erros, acertos, desilusões e um resto de esperança. Os dois casais podem ser vistos como o mesmo casal, em tempos distintos.
Os textos se transpassam de tal forma que, como em um móbile, os personagens são quase a mesma pessoa contando sua história de épocas ou ângulos diferentes. Hoje em dia, como se diz “eu te amo”? Caio sugere algumas respostas, sinalizadas em Animais de Hábitos Noturnos.
‪#‎AnimaisDeHábitosNoturnos‬ ‪#‎Teatro‬ ‪#‎TeatroMusical‬ ‪#‎VáAoTeatro‬ #‎OpiniãoDePeso‬ ‪#‎CaioFernandoAbreu‬ ‪#‎EspaçoParlapatões‬‪ #‎FlaviaFuscoComunicação‬

“Animais de Hábitos Noturnos”
Com André Fusko, Einat Falbel, Guilherme Gorski
e Wanessa Morgado
Espaço Parlapatões (Pça. Franklin Roosevelt, 158 – República, São Paulo)
Duração 70 minutos
28/08 até 16/10
Sexta – 21h
$40