SILHUETAS

Com uma carreira consagrada no teatro musical, a cantora e atriz Kiara Sasso apresenta show em comemoração aos seus 30 anos de carreira. Sua trajetória é revivida ao interpretar canções de musicais em que participou como Home, de A Bela e a Fera; Think of Me, de O Fantasma da Ópera; I Have Confidence, de A Noviça RebeldeThe Winner Takes It All, de Mamma Mia; entre outras surpresas. No palco, estará acompanhada por uma banda composta de piano, baixo, bateria e sopros.

maxresdefault.jpg

Silhuetas
Com Kiara Sasso
Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 65 minutos
26/06
Terça – 21h
$80/$100
Classificação 12 anos

FOLK

Doze anos após o estrondoso sucesso do Acústico MTV, Nasi e Edgard Scandurra voltam aos palcos munidos de violão e voz para o show que denominaram de IRA! FOLK. Um formato de show inédito para estes roqueiros.

No repertório, grandes sucessos da carreira como Flores Em VocêDias De LutaEu Quero Sempre MaisO GirassolTolicesTarde Vazia15 Anos e também clássicos do “lado B” da banda, como Mudança De ComportamentoFlerte FatalBebendo VinhoUm Dia Como Hoje, entre outras.

Ira!_foto Carina Zaratin (5)

Folk
Com Ira!
Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 75 minutos
19/06
Terça – 21h
$90/$120
Classificação Livre

POESIA INSANA

Cantora e atriz Naíma celebra seus 25 anos de carreira com o lançamento de seu primeiro disco autoral Poesia Insana. Para obter singularidade sonora e pincelar com tons latinos sua MPB pop contemporânea, se utiliza de uma formação inusitada: 2 violões, baixo, guitarra e 2 percussões, que trazem elementos como o cajón, a cabaça africana e o bombo legüero.

No roteiro, as 12 faixas do disco e alguns covers com arranjos especiais para Esquadros (Adriana Calcanhotto), Ainda Bem (Marisa Monte), Escrito nas Estrelas (Tetê Espíndola) e  outras surpresas. O show contará com intérprete em Libras (Língua Brasileira de Sinais).

naimailu.png

Poesia Insana
Com Naíma
Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 90 minutos
12/06
Terça – 21h
$40/$60
Classificação Livre

E ENTÃO…

Duas gerações diferentes se juntam num show que passei pelo ontem e hoje da música popular brasileira. Claudette Soares, ícone da Bossa Nova, completou recentemente 80 anos e acaba de lançar o álbum Canção de Amor, inspirado no mais recente livro de Ruy Castro, que conta a história e as histórias do samba-canção.  Ayrton Montarroyos, com apenas 22 anos, lançou no ano passado seu elogiado primeiro disco, depois de participar da penúltima edição The Voice, chamando atenção pelo repertório refinado e pela personalidade de sua voz.

Números solos e duos dão o tom do roteiro que passeia pelas últimas seis décadas da MPB e inclui alguns dos clássicos que consagraram a carreira de Claudette, como De tanto amor (Roberto e Erasmo Carlos) e Hoje (Taiguara). O repertório ainda traz músicas de Paulinho da Viola (Sinal Fechado), Gilberto Gil (Mancada), Marcos e Paulo Sérgio Valle (Garra), Vinicius de Moraes e Baden Powell (Samba e Prelúdio) e Luiz Gonzaga (Qui nem jiló).

Ayrton Montarroyos e Claudete Soares_foto Kelson Spalato.jpg

E Então…
Com Claudette Soares e Ayrton Montarroyos
Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 80 minutos
05/06
Terça – 21h
$40/$50
Classificação Livre

FOREVER YOUNG

De forma poética e bem-humorada, Forever Young aborda a vida de seis grandes atores que representam a si mesmos no futuro, quase centenários. Apesar das dificuldades eles continuam cantando, se divertindo e amando. Tudo acontece no palco de um teatro, que foi transformado em retiro para artistas, sempre sob a supervisão de uma enfermeira. Quando ela se ausenta, os simpáticos senhores se transformam e revelam suas verdadeiras personalidades através do bom e velho rock’n’roll e mostram que o sonho ainda não acabou e que eles são eternamente jovens.

A comédia musical consegue relatar não apenas o problema da exclusão social na “melhor idade”, mas também aborda questões sobre a velhice com muito humor e músicas que marcaram várias gerações. Os hits são sucessos do rock/pop mundial de diversos anos, passando pelas décadas de 50, 60, 70, 80 até chegar aos anos 90. Músicas que são verdadeiros hinos como I Love Rock and RollSmells Like a Teen SpiritI Wil SurviveI Got You BabeRoxanneRehabSatisfactionSweet DreamsMusicSan FranciscoCalifornia DreaminLet It BeImagine, e a emblemática Forever Young. Já o repertório nacional conta com canções como Eu Nasci Há 10 Mil Anos Atrás de Raul Seixas, Do Leme ao Pontal de Tim Maia e Valsinha de Chico Buarque.

Forever Young_ 1041_foto Marcos Moraes (1).jpg

Forever Young
Com Nany People, Saulo Vasconcelos, Janaina Bianchi, Rodrigo Miallaret, Marcos Lanza, Carol Bezerra e Rafael Marão
Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 100 minutos
30/05 até 05/07
Quarta e Quinta – 21h
$50/$70
Classificação 10 anos

O LEÃO NO INVERNO

Texto inédito no Brasil, do americano James Goldman (1927 – 1998), com direção de  Ulysses Cruz traz uma história que envolve intrigas no castelo do Rei Henrique II, da Inglaterra, quando sua família se reúne para as celebrações de Natal.

Na meia-idade, mas ainda forte e poderoso, Henrique mantém sua esposa, a lendária rainha Eleanor, de Aquitânia, confinada em uma torre, por alta traição. Nas festas de fim de ano, ele a solta e a convida para se juntar à família. Eleanor aproveita a oportunidade e começa a conspirar, pois quer influir na sucessão de Henrique. A personagem luta para que seu filho mais velho, Ricardo, o futuro “Coração de Leão”, seja o próximo rei. Henrique, por outro lado, prefere o filho caçula, que ficará, mais tarde, conhecido como João “Sem-Terra”.  Já o filho do meio, Geoffrey, está apenas interessado em obter as maiores vantagens, qualquer que seja o escolhido para ocupar o trono. A peça também conta com a bela princesa Alais, amante de Henrique, e Philip, rei da França, irmão de Alais.

6cdfa5dcc099479d89f425675385a82a

O Leão no Inverno
Com Regina Duarte, Leopoldo Pacheco, Caio Paduan, Filipe Bragança, Camila dos Anjos, Michel Waisman e Sidney Santiago.
Teatro Porto Seguro (Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 100 minutos
18/05 até 29/07
Sexta e Sábado – 21h, Domingo – 19h
$40/$80
Classificação 12 anos

O LOUCO E A CAMISA

Texto do argentino Nélson Valente, O Louco e a Camisa está em sua nona temporada na cidade de Buenos Aires, além de já ter ganhado os palcos de outros países como Chile, Espanha, França, Portugal e Estados Unidos.  Sucesso de público e crítica, agora chega ao Brasil com elenco nacional e direção de Elias Andreato.

O texto entrelaça temas como a loucura, a convivência familiar, a revelação da verdade e a violência doméstica, ao retratar um pai violento e severo. O público se depara com uma família distorcida e marcada pela convivência hipócrita entre eles, que se esforçam para esconder a existência de um “louco” (o filho) e suas ideias aparentemente malucas.

No decorrer do espetáculo, percebe-se que o “louco” é, na verdade, o mais são entre os integrantes da família, pois é fiel e íntegro aos seus valores. O único com percepção real e verdadeira. Desta forma, a comédia se dá em contraponto ao drama vivido com esses conflitos familiares, pois os personagens naturalmente se metem em situações cômicas para solucionar seus problemas.

É importante estar em constante discussão sobre as diferenças e estimular a tolerância e o respeito ao próximo. Neste espetáculo retratamos distúrbios de personalidades e relacionamentos, e isso serve para pôr uma lupa em nós mesmos e fazermos uma autoanálise do quanto somos permissivos e complacentes com certas situações”, comenta Priscilla Squeff, idealizadora do projeto no Brasil, ao lado dos sócios Leandro Luna e Danny Olliveira. Os produtores assistiram ao espetáculo em Buenos Aires e, cada vez mais, acreditam na importância deste intercâmbio cultural.

SINOPSE

O Louco e a Camisa conta a história de uma família marcada por seus valores distorcidos em contraponto ao filho que não se encaixa nos padrões impostos a ele. Ao decidir reunir a família para apresentar seu namorado, a irmã coloca todos em situação limite. E assim, os segredos mais íntimos de cada um se revelam. Um drama familiar para rir e chorar.

 

30624156_1506458322814288_7866783363460235264_n

O Louco e a Camisa
Com Leonardo Miggiorin, Rosi Campos, Priscilla Squeff, Guilherme Gorski e Ricardo Dantas
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elísios, São Paulo)
Duração 60 minutos
04/04 até 03/05
Quarta e Quinta – 21h
$40/$60
Classificação 12 anos