STRONGER (A MAIS FORTE)

SINOPSE

Nos fundos de uma loja de departamentos em Nova York em plena liquidação de Natal, a senhorita Y se surpreende com a chegada ruidosa da senhora X, uma taça de segredos, frustrações e pequenas vinganças passa a ser destilada então. Somos levados a descobrir a relação delicada e pungente que se desenvolve com essas duas mulheres, uma esposa aparentemente dedicada e completa e uma atriz independente e explicitamente falida. A “guerra de nervos” que nasce ali, quer mostrar  quem é A MAIS FORTE.

ESSA MONTAGEM

Muito mais do que colocar rótulos, gêneros ou posições sociais, damos um presente duvidoso, embrulhado em papel fino, que mostra a luta interna de duas mulheres que se chocam violentamente e produzem todos os conflitos dramáticos e cômicos que somente o feminino mais puro pode produzir. Vestidas com extrema elegância e com uma cenografia enxuta e precisa, apenas duas atrizes, como manda o texto, se engalfinham em chamas numa atmosfera anos 40, enquanto a neva fria cai lá fora.

31944549_2160811804156474_1511322785857667072_n.jpg

Stronger (A Mais Forte)
Com Dani Guedes e Sarah Lopes
Teatro Augusta (R. Augusta, 943 – Cerqueira César, São Paulo)
Duração 50 minutos
04/05 até 29/06
Sexta – 21h30
$ 50
Classificação 16 anos

 

 

 

 

 

FESTA, A COMÉDIA

O público já na sua chegada é convidado para participar de uma típica Festa Infantil, recepcionados pelo primeiro personagem da peça, um palhaço!

Imagine o que não é capaz de acontecer numa festa para crianças?

Imaginou? Então, situações inusitadas, bizarras e divertidas acontecem nesta festa de nosso aniversariante mirim que guarda um grande segredo! Em um formato de 5 (cinco) esquetes, onde cada esquete é escrita por um autor diferente. Todas retratadas por personagens interligados presentes nesta mesma Festa, a Comédia.

Uma comédia hilária, que se comunica com todo tipo de publico, por justamente reunir um ‘dream team’ de autores consagradíssimos escolhidos a dedo. Aliado à tarimba e experiência do intérprete e criador da ideia central do espetáculo, Maurício Machado.

Maurício conta “ Todos os textos foram escritos especialmente para mim, por cada um desses talentosíssimos e queridos autores, que permearam em algum momento meus 30 anos de carreira. E com alguns, em muitas oportunidades. O que é uma honra e uma responsabilidade (risos) Mas só me fascina se for com desafio, surpreendente e como o deve ser o teatro, entregue e sem rede de proteção.

Ele interpreta seis hilariantes personagens femininos e masculinos, todos completamente diferentes e repletos de humor. Além disso, um show à parte pode ser conferido às frenéticas e muito rápidas trocas de figurino e composição, essas criadas pelo premiado visagista Anderson Bueno com figurinos de Marcio Vinicius, que duram segundos de uma personagem à outra;

Com este seu novo solo, Maurício celebrará seus 30 anos de profissão onde o Teatro sempre foi seu grande alicerce e de onde nunca se ausentou e a TV e Cinema seus companheiros. E cada um desses autores escolhidos para o projeto tem relação com a trajetória profissional do ator Maurício Machado e sua admiração.

O diretor da comédia, Eduardo Figueiredo, com mais de 10 comédias de sucesso de público e crítica no currículo apresenta uma encenação focada na interpretação e no humor presente nestes personagens surpreendentes.

Maurício me propôs sua ideia de fazer um espetáculo com autores diferentes que se passa em uma festa de aniversário de criança, aceitei sem pensar, é genial esse universo. Repleto de personagens que propiciam identificação imediata para o público

31408270_1746027478784834_8417153130038296576_n

Festa, a Comédia
Com Maurício Machado
Teatro Augusta (R. Augusta, 943 – Cerqueira César, São Paulo)
Duração 120 minutos
04 a 27/05
Sexta – 21h30, Sábado – 20h, Domingo – 18h
$40/$50
Classificação 12 anos

O MARIDO DA MINHA MULHER

O espetáculo aborda uma das maiores paixões dos Brasileiros ‘’O FUTEBOL’’, além disso, passa por um romance divertidíssimo, competições amorosas, e efeitos especiais quando o espírito do morto esta em cena. Uma mistura perfeita amor, torcida, e efeitos se misturam com muita diversão e risadas. Uma ótima oportunidade entre entretenimento e marketing.

O espetáculo foi sucesso de público em 2013, mais de 150.000 pessoas assistiram o espetáculo, no recebemos ótimas críticas teatrais e caiu no gosto do público na cidade de São Paulo, Minas Gerias e interior. Dentre outras, a peça recebeu por dia mais de 30.000 visualizações na página oficial do espetáculo, interação direta do público com o espetáculo.

“O Marido da Minha Mulher” uma comédia de Sérgio Abritta que conta a história de ALEX (Germano Pereira) um fanfarrão convicto e incorrigível. Casado com BRUNA (AMicheli Machado) uma dona-de-casa bonita e inteligente que vive solitária.Numa de suas farras ALEX acaba sofrendo um acidente deixando viúva a bela esposa. Após a morte de Alex a jovem viúva será disputada por NICO (Ben Ludmer) um mauricinho pernóstico e por PAULO (Ton Prado), melhor amigo de ALEX.Para impedir que ela se case com seu desafeto NICO, o morto volta a terra e pede ajuda a seu melhor amigo PAULO. Assim se desenrola uma trama de confusões hilariantes e cheia de surpresas.

O-MARIDO-2018

O Marido da Minha Mulher
Com Micheli Machado, Germano Pereira, Ben Ludmer e Ton Prado
Teatro Augusta (Rua Augusta,943 – Cerqueira César, São Paulo)
Duração 75 minutos
09/03 até 29/04
Sexta – 21h30, Sábado – 19h30, Domingo – 18h
$60
Classificação 14 anos

3 FORMAS DE AMAR

No final de 1994, estreava no Brasil um filme despretensioso que abordava a relação entre três jovens diante de novas possibilidades de amar. O tempo passou e “3 formas de amar” ainda é referência na lista de filmes com temática LGBT e registro marcante na memória de muitos trintões. Depois da temporada de sucesso em 2016, a peça reestreia dia 10 de março no Teatro Augusta.

Nesta versão, livremente inspirada no filme, os papeis de Josh Charles, Lara Flynn Boyle e Stephen Baldwin são vividos respectivamente pelos atores Tiago Pessoa, Thalyta Medeiros e Victor Benain. Eles interpretam três jovens que dividem o aluguel e as despesas de um apartamento em São Paulo. Amor, incertezas e muitos desejos fazem parte do universo desses jovens que ainda se prepararam para a famigerada vida adulta.

Na comédia, dirigida por Renato Andrade, Leo é um rapaz acanhado, recém-chegado do interior, Alexia é uma aspirante a atriz e Vinicius é o vértice divertido e irresponsável do triangulo amoroso que se forma entre eles. São desconhecidos, completamente diferentes, mas que se aproximam em meio às dificuldades de se viver em uma grande metrópole. Aos poucos, surge uma amizade e um imbróglio amoroso, repleto de questionamentos típicos da juventude.

Embora se passe nos anos 90, época em que bissexualidade ainda era um assunto abafado, a história não se foca nos dramas ou discussões sobre o tema. Seu diferencial é apresentar uma relação de poliamor de maneira simples e divertida. É uma história sobre três jovens, que em dado momento, se veem apaixonados uns pelos outros e precisam lidar com esse sentimento e com as infinitas formas de amar. 

 

3f37

3 Formas de Amar
Com Thalyta Medeiros, Tiago Pessoa e Victor Benain
Teatro Augusta (R. Augusta, 943 – Cerqueira César, São Paulo)
Duração 60 minutos
10/03 até 29/04
Sábado – 22h, Domingo – 20h
$60
Classificação 14 anos

SE EXISTE EU AINDA NÃO ENCONTREI

Sucesso de crítica e público, a montagem do diretor Daniel Alvim para Se Existe Eu Ainda Não Encontrei, do dramaturgo britânico Nick Payne ganha uma nova temporada no Teatro Eva Herz, na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, entre os dias 1º de março e 4 de maio.

No espetáculo, personagens viscerais mostram como as pessoas, mesmo que estejam preocupadas em salvar a humanidade, encontram subterfúgios para fugir dos problemas íntimos na própria casa. Nesse contexto, os filhos são muitas vezes negligenciados por seus pais.

É o que acontece com a adolescente Anna (papel de Lyv Zieze), que está acima do peso e, por isso, tem sofrido com o bullying de seus colegas de classe. Ignorada pelos pais, ela caminha, de decepção em decepção, para a beira do abismo.

Enquanto a filha enfrenta os desafios dessa turbulenta fase da vida, o ambientalista George (papel de Leopoldo Pacheco) está obssessivamente envolvido com seu livro sobre as emissões de carbono na atmosfera. Já sua mulher Fiona (interpretado por Helena Ranaldi) usa seu novo musical, que está prestes a estrear na escola, como pretexto para fugir das questões conjugais e da doença degenerativa de sua mãe.

A velocidade dos acontecimentos na vida contemporânea é responsável por essa incomunicabilidade entre pessoas próximas, acredita o diretor Daniel Alvim. “O mundo parece girar mais rápido. Parece que temos menos tempo para tudo, mesmo sem sabermos por que precisamos correr tanto?! Temos a impressão de um atropelamento constante. As pessoas tentam se salvar e, talvez, seja por isso que não enxergam o outro. É uma luta individual e solitária”, esclarece.

As barreiras existentes nessa família são ressaltadas com a chegada de Terry (interpretado por Luciano Gatti), o irmão mais jovem e disfuncional de George, um beberrão boca suja apaixonado por uma mulher comprometida. Esse personagem desestruturado é responsável por revelar as relações dilaceradas na família. “Acho que Terry, por ser fruto dessa geração que navega na instabilidade do tempo atual, tem mais compreensão e entendimento sobre o agora. Talvez seja por isso que enxergue além”, comenta Alvim.

O cotidiano aparentemente simples desse pequeno núcleo evoca, no entanto, uma série de temas contemporâneos relevantes, como sustentabilidade, bullying, incomunicabilidade e aquecimento global, que são discutidos com um tom dramático, mas temperado com o conhecido humor britânico.

SEEANE_proscila_prade_02.jpg

Se Existe Eu Ainda Não Encontrei
Com Helena Ranaldi, Leopoldo Pacheco, Luciano Gatti e Lyv Ziese
Teatro Eva Herz – Livraria Cultura (Av. Paulista, 2073, Cerqueira César – São Paulo)
Duração 90 minutos
01/03 até 04/05
Quinta e Sexta – 21h
$60
Classificação 16 anos

COISAS ESTRANHAS ACONTECEM NESTA CASA

Um grande mistério chega aos teatros neste verão. A nova comédia de Pablo Diego Garcia tem co-direção de Marisa Orth e direção geral de Marcio Macena. A peça conta a história de 5 personagens excêntricos,  presos por uma tempestade, e muitos segredos dentro de uma mansão mau assombrada.

Coisas Estranhas Acontecem Nesta Casa celebra a diversidade dentro de um contexto absurdo. A peça fala sobre a família que podemos escolher, sobre os monstros que temos que matar para sobreviver, e sobre os problemas que devemos enterrar no nosso jardim.

Fleury, Kleber e Alfredo são três excêntricos, dramáticos e misteriosos homens, que moram juntos em um casarão no alto da serra em Campos do Jordão. Tudo poderia ocorrer bem na vida desses personagens não fosse o fato de eles estarem falidos e se odiarem. Fleury é o mais velho e está perdendo a memória; Kleber é alcoólatra, mau humorado e fumante compulsivo; Alfredo é um costureiro sem talento. Tudo começa quando Fleury esquece a panela de pressão no fogo e explode o jantar que seria servido para a cliente mais importante de Alfredo, a socialite Marcela Vitanozzi. A encomenda que Marcela fará ao costureiro poderá salvar os três da miséria. Isso faz com que eles se unam para preparar o melhor jantar já servido até hoje.

Mas algo misterioso acontece e a socialite acaba falecendo durante o jantar. Desesperados eles resolvem enterrar o corpo no jardim, mas são surpreendidos por uma visita inesperada. Um jornalista misterioso aparece querendo entrevistar a socialite. E a confusão estará armada quando os três fizerem de tudo para a defunta parecer vivinha da silva! Muitos segredos serão revelados, uma fortuna em dinheiro estará em jogo e coisas estranhas acontecem pela casa.

A mansão foi erguida no topo da colina. Para chegar até ela é necessário um longo caminho entre as montanhas. Alguns pinheiros se escondem, mas quando se atravessa a densa floresta, já nos deparemos com o grande portão de ferro retorcido onde girassóis foram esculpidos nas grades como colagens infantis. E lá, ao fundo das árvores, a pequena mansão reina como uma velha senhora tomando um chá da tarde.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Coisas Estranhas Acontecem Nesta Casa
Com Pablo Diego Garcia, Pedro Bosnich, Bruno Sperança, Deo Patricio e Daniel Aguiar
Teatro Augusta (R. Augusta, 943 – Cerqueira César, São Paulo)
Duração 90 minutos
13/01 até 04/03
Sábado – 22h, Domingo – 20h
$50
Classificação 12 anos

ASSUNTO DE MENINAS

Inspirado no filme “Lost and Delirious” de Léa Pool, o espetáculo “Assunto de Meninas” retrata a adolescência e as crises afetivas de três meninas que vivem em um internato.  O drama se estende pela mágoa delas em relação às suas famílias e, principalmente, a relação conturbada e displicente com suas respectivas mães. Ancoradas por essa dor desde pequenas, cada uma lida ao seu modo com isso, motivo pelo qual interfere diretamente nos conflitos sexuais e afetivos de suas descobertas na idade.

Um texto emocionante sobre amor, família e a dor de descobrir-se.

Ainda abalada pela perda da mãe, que morreu há 3 anos, Maria vai para um colégio interno para meninas. A recepção das novas colegas é ótima e ela é instalada no quarto da Paula e Vitória. Com o convívio, ela percebe que as suas colegas de quarto são muito mais do que grandes amigas. Apesar do espanto inicial, Maria com seu jeito tímido conquista a confiança das duas e se torna a única confidente do casal. Enquanto tenta se adaptar ao novo ambiente, Maria vê a dificuldade das amigas em lidar com alguns dos impasses do relacionamento causados pelo preconceito de suas famílias e por suas profundas crises de identidade, principalmente quando Paula e Vitória são pegas na cama.

Temendo uma reação contrária da família, Vitória passa a ter uma relação heterossexual para acalmar os ânimos e tentar convencer a si própria que é só amiga de Paula, que por sua vez, não se conforma com esta situação e não medirá esforços para a ter de volta.

ARTE OFICIALAssunto

Assunto de Meninas
Com Débora Sartori, Marcela Arribet, Mariana Faloppa e Higor Fernandes
Teatro Augusta – sala Paulo Goulart (Rua Augusta, 943, Cerqueira Cesar – São Paulo)
Duração 70 minutos
10/11 até 15/12
Sexta – 21h30
$50
Classificação 14 anos