PARIS CULTURAL VEM AÍ

Paris Cultural estreia no mercado do Teatro Musical brasileiro com três homenageados de peso: Silvio Santos, Adoniran Barbosa e Ney Matogrosso. A empresa é um braço da Paris Filmes, produtora e distribuidora cinematográfica.

PhotoCollage_20190416_095730942

Como já detinham o direito das biografias dos homenageados, veio a ideia de desdobrar os produtos além dos filmes, para musicais, exposições e animação, segundo Marilia Toledo, diretora geral e sócia da nova empresa. “São histórias com incrível potencial para a criação de um espetáculo genuinamente brasileiro”, comenta ela em uma entrevista ao jornalista Ubiratan Brasil (Estadão).

O primeiro musical será “Silvio Santos Vem Aí“, com estreia prevista para março de 2020, em São Paulo. A história do apresentador mais famoso do país começará quando Silvio foi internado para tratar de uma arritmia cardíaca em 1986. Enquanto ele estará anestesiado, começará a sonhar e recordar de sua vida – do início como camelô, passando por locutor de rádio, a criação do Baú da Felicidade, o SBT e os programas icônicos, como Porta da Esperança e Show de Calouros.

O texto será da própria Marília com auxílio de Emilio Boechat, e será inspirado no livro “Silvio Santos: A Biografia (Universo dos Livros), de Marcia Batista e Anna Medeiros, que foi elogiado pelo próprio homenageado.  A direção será de Zé Henrique de Paula e a direção musical de Fernanda Maia (ambos responsáveis por “Urinal, o Musical”, “Lembro Todo Dia de Você”, “Natasha, Pierre e o Grande Cometa de 1812”).

Para o segundo semestre do mesmo ano, estreia “Homem com H“, que conta a história de Ney Matogrosso, que também participará do processo criativo. “Ele tem uma história transgressora, o que já inspira uma linha dramatúrgica”, explica Marilia para jornalista Ubiratan Brasil (Estadão). O texto também será de sua autoria.

Quanto ao musical em homenagem a Adoniran Barbosa, ainda não tem título definido. A direção será de Susana Ribeiro, e será desenvolvido simultaneamente aos outros dois.