PARCERIA T4F E MÖELLER & BOTELHO

O anúncio, em agosto, entre a parceria entre a Time for Fun (T4F) com a dupla de diretores/produtores Möeller e Botelho apresenta seus primeiros resultados.

CARMEN

(fonte Tiago Queiroz – Estadão)

Os primeiros musicais a serem trabalhados são: em São Paulo, “Pippin” chega no início do próximo ano, e “O Jovem Frankenstein“, no segundo semestre. E fazendo caminho inverso, “Wicked” desembarca no Rio de Janeiro, na Cidade das Artes, no segundo semestre.

E estes são apenas os três primeiros títulos divulgados para esta parceria. Está previsto para 2020 a montagem aguardada do musical da Disney, “Mary Poppins“. Neste mesmo ano, a dupla de diretores estreia sua montagem, em parceria com a produtora Renata Borges (Touché Entretenimento) do espetáculo “Caroussel“.

(fonte – Ubiratan Brasil – Estadão – para ler a matéria completa http://bit.ly/estadaot4f)

PIPPIN TEM ESTREIA MARCADA

O musical “Pippin” volta aos palcos brasileiros depois de mais de 40 anos da sua primeira montagem. No dia 02 de agosto, a dupla de diretores e produtores Charles Möeller e Claudio Botelho estreiam o espetáculo no Teatro Clara Nunes, na cidade do Rio de Janeiro.

Foi um exercício de paciência na procura por patrocínio para montar o espetáculo. Isto porque a dupla já tinha o direito do musical desde 2015. Tinha sido divulgado que a atriz Beatriz Segall, que na época ira estrear “Nine”, seria a vó Berthe.

O elenco do musical foi divulgado hoje em uma matéria feita pelo jornalista do Estadão, Ubiratan Brasil.

1528743248531

É composto por Felipe de Carolis (Pippin), Totia Meireles (M.C.), Adriana Garambone (Fastrada), Jonas Bloch (Carlos Magno), Cristiana Pompeo (Catharina), Luiz Felipe Mello (Theo), Nicette Bruno (Berthe), Guilherme Logullo (Lewis).

A trupe circense será vivida por Analu Pimenta, Bel LimaBruninha RochaDaniel LackFlavio RochaJessica AmendolaJoão Felipe Saldanha, Paulo Vitor, Rodrigo Cirne, Sérgio Dalcin Victoria Aguilera.

Suely-nanini-pippin-1

Montagem nacional de 1974

Houve uma primeira montagem no país em 1974, dois anos após a estreia na Broadway. No elenco, entre outros, Marco Nanini no papel principal e Marília Pera, como M.C, que inovou em ser a primeira mulher a viver o papel de M.C. (sua substituta na montagem era Suely Franco). Somente 40 anos após, que a atriz norte americana Patina Miller interpretou o mesmo papel.

 

Gene Foote, coreógrafo-assistente de Bob Fosse no espetáculo da Broadway, veio ao país para ensinar a coreografia.

Pippin é um musical escrito e musicado por Stephen Schwartz, com libretto de Roger O. Hirson e direção e coreografia por Bob Fosse.

Conta a história de Pippin, um jovem príncipe, filho mais velho do rei Carlos Magno, em busca de autoconhecimento e de um significado para a sua vida. Sua história é narrada por uma Mestre de Cerimônias e uma trupe. Nessa jornada, após assumir o trono, percebe que não é tão diferente quanto seu pai.