ROCKY HORROR SHOW (2a parte da matéria)

O Circuito Teatral SP e o Opinião de Peso apresentam a segunda, e última, parte da matéria especial sobre o musical Rocky Horror Show. Mostramos um pouco mais da conversa que tivemos com o elenco.
O espetáculo da dupla Möeller Botelho fica em cartaz no Teatro Porto Seguro até o dia 12 de março.
Curta e compartilhe a matéria e siga o Circuito Teatral SP e o Opinião de Peso.

Rocky Horror Show
Com Marcelo Medici, Bruna Guerin, Felipe De Carolis, Gottsha, Thiago Machado, Jana Amorim, Nicola Lama, Marcel Octavio, Felipe Mafra, Vanessa Costa, Thiago Garça.
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 105 minutos
10/02 até 12/03
Sexta e Sábado – 21h; Domingo – 19h
$50/$120
Classificação 14 anos

ROCKY HORROR SHOW

A comédia musical Rocky Horror Show, montagem de Charles Möeller & Claudio Botelho reestreia no Teatro Porto Seguro dia 10 de fevereiro, com sessões sextas e sábados, às 21h e domingos, às 19h.

No dia da reestreia, o público que for assistir o espetáculo de cosplay (caracterizado de uma das personagens da peça) vai participar de uma promoção. Serão escolhidas as 20 melhores fantasias e os vencedores poderão subir ao palco para dançar a última música Time Warp, com o elenco.

Rocky Horror Show é um fenômeno teatral raro. Após estrear em uma pequena sala do circuito underground londrino em 1973, virou filme, se transformou em ícone pop e nunca mais saiu de cartaz dos palcos e das telas de cinema. Uma verdadeira legião de fãs ajuda a manter a aura do musical, em exibições especiais, encontros e happenings por todo o mundo.

Inspirada nos filmes b de ficção científica e horror dos anos 40 a 70, a comédia musical – com texto e músicas de Richard O’Brien – conta com uma trilha roqueira e um texto que mistura referências da época com um leve toque sexual. Ao procurar ajuda em uma estrada deserta, um jovem casal de noivos, Brad Majors e Janet Weiss, chega a um castelo abandonado, onde são recebidos pelo cientista maluco Frank N Furter (Marcelo Medici) e uma série de criaturas bizarras.

Rocky Horror Show
Com Marcelo Medici, Bruna Guerin, Felipe De Carolis, Gottsha, Thiago Machado, Jana Amorim, Nicola Lama, Marcel Octavio, Felipe Mafra, Vanessa Costa, Thiago Garça.
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 105 minutos
10/02 até 12/03
Sexta e Sábado – 21h; Domingo – 19h
$50/$120
Classificação 14 anos
De Richard O‘Brien.
Um espetáculo de Charles Möeller & Claudio Botelho.
Direção: Charles Möeller.
Versão Brasileira: Claudio Botelho.
Direção musical: Jorge de Godoy.
Supervisão musical: Claudio Botelho.
Figurinos: Charles Möeller.
Cenografia: Rogério Falcão.
Coreografia: Alonso Barros.
Iluminação: Rogério Wiltgen.
Design de som: Ademir Moraes Jr.
Vídeos de cena: Kelson Spalato.
Visagismo: Beto Carramanhos..
Coordenação Artística: Tina Salles.
Direção de Produção: Beatriz Braga.
Produção Executiva: Edson Lopes.
Patrocínio: Porto Seguro.
Transportadora oficial: Avianca.
Realização: Möeller & Botelho.
Assessoria de Imprensa: Factoria Comunicação

ROCKY HORROR SHOW

Rocky Horror Show é um fenômeno teatral raro. Após estrear em uma pequena sala do circuito underground londrino em 1973, virou filme, se transformou em ícone pop e nunca mais saiu de cartaz dos palcos e das telas de cinema. Uma verdadeira legião de fãs ajuda a manter a aura do musical, em exibições especiais, encontros e happenings por todo o mundo. Quatro décadas após o seu lançamento, Charles Möeller & Claudio Botelho vão apresentar a sua versão brasileira do espetáculo a partir de 11 de novembro, sexta-feira, às 21h,  no Teatro Porto Seguro.

14947807_326818307677404_2585197277181202326_n.jpg

Inspirada nos filmes b de ficção científica e horror dos anos 40 a 70, a comédia musical – com texto e músicas de Richard O’Brien – conta com uma trilha roqueira e um texto que mistura referências da época com um leve toque sexual. Ao procurar ajuda em uma estrada deserta, um jovem casal de noivos, Brad Majors e Janet Weiss, chega a um castelo abandonado, onde são recebidos pelo cientista maluco Frank N Furter (Marcelo Medici) e uma série de criaturas bizarras.

temp_regrann_1478608247140

14720401_325123241180244_2132540733115609657_n
Rocky Horror Show
Com Marcelo Medici, Bruna Guerin, Felipe De Carolis, Gottsha, Thiago Machado, Jana Amorim, Nicola Lama, Felipe Mafra, Marcel Octávio, Vanessa Costa, Thiago Garça.
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 105 minutos
10/02 até 12/03
Sexta e Sábado – 21h; Domingo – 19h
$50/$120
Classificação 14 anos
Texto, Música e Letras de Richard O‘Brien.
Versão Brasileira: Claudio Botelho.
Direção: Charles Möeller.
Cenografia: Rogério Falcão.
Iluminação: Paulo Cesar Medeiros.
Visagismo: Beto Carramanhos.
Design de som: Ademir Moraes Jr.
Coordenação Artística: Tina Salles.
Direção de Produção: Beatriz Braga.
Produção Executiva: Edson Lopes.
Realização: Möeller & Botelho.
Assessoria de Imprensa: Factoria Comunicação

ROCKY HORROR SHOW

 

Com direção de Charles Möeller e Claudio Botelho, Rocky Horror Show é a adaptação do conhecido musical inglês. Após 10 anos de pausa, o espetáculo marca o retorno do ator Marcelo Medici aos musicais, como o Dr. Frank-N-Furter, acompanhado de Bruna Guerin (de Urinal, o Musical), interpretando Janet WeissGottsha, Thiago Machado, Nicola Lama, Felipe Mafra, Jana Amorim, Vanessa Costa, Thiago Garça e Marcel Octavio, completam o elenco.

A trama, com texto e canções assinadas por Richard O’Brien, fez sua estreia em Londres em 1973, chegando à Broadway em 1975, onde realizou uma curta temporada que lhe rendeu uma indicação ao Tony Awards e três ao Drama Desk.

Durante uma noite de tempestade, o carro de dois jovens noivos quebra próximo a um castelo. Eles são forçados a pedir ajuda e encontram algo muito além do que esperavam: um cientista maluco, seus servos, os irmãos Riff Raff e Magenta, a assistente Colúmbia e uma série de indivíduos excêntricos numa noite muito louca.

14590293_310379785987923_4944911867495921569_n

Rocky Horror Show
Com Marcelo Medici, Bruna Guerin, Felipe de Carolis, Gottsha, Thiago Machado, Jana Amorim, Nicola Lama, Felipe Mafra, Marcel Octávio, Vanessa Costa e Thiago Garça.
Teatro Porto Seguro (Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos, São Paulo)
Duração 120 minutos
11/11 até 11/12
Sexta e Sábado – 21h; Domingo – 19h
$50/$120
Classificação 12 anos
 
Texto, Música e Letras de RICHARD O‘BRIEN
Versão Brasileira: CLAUDIO BOTELHO
Direção: CHARLES MÖELLER
Coreografia: ALONSO BARROS
Cenografia: ROGÉRIO FALCÃO
Direção Musical: JORGE DE GODOY
Iluminação: PAULO CESAR MEDEIROS
Visagismo: BETO CARRAMANHOS
Design de som: ADEMIR MORAES JR.
Coordenação Artística: TINA SALLES
Direção de Produção: BEATRIZ BRAGA
Produção Executiva: EDSON LOPES
Assistente de Direção: GUSTAVO BARCHILON
Assistente de Coordenação Artística: LORENA MORAIS
Assistente de Coreografia: VANESSA COSTA
Pianista ensaiador: MARCELO FARIAS
Assistente de Produção: BRUNO AVELLAR
Assessoria de Imprensa: FACTORIA COMUNICAÇÃO
Mídias Sociais: LEO LADEIRA
Realização: MÖELLER & BOTELHO

 

ROCKY HORROR SHOW

E aos poucos os nomes do elenco do musical “Rocky Horror Show”, o 40º  espetáculo da dupla Möeller & Botelho, vão aparecendo.

Depois de anunciarem Marcelo Médici (Dr. Frank-N-Furter) e Bruna Guerin (Janet Weiss),  agora temos Gottsha (Magenta), Jana Amorim (Columbia), Thiago Machado (Riff Raff) e Felipe Mafra (Rocky).

Estreia prevista para novembro no Teatro Porto Seguro.

1-rocky.jpg

 

THE ROCKY HORROR SHOW

É hora de fazer novamente o “TimeWarp“.

Charles Möeller e Claudio Botelho vão dirigir a nova montagem de “The Rocky Horror Show“, o musical de Richard O’Brien (música, enredo e composições), que estreou no teatro em 1973, e fez sucesso mundial com o lançamento do filme “The Rocky Horror Picture Show” (1975). O musical é uma homenagem aos filmes B de ficção científica e horror da década de 1930 até o início dos anos 70.

(clipe da versão ao vivo de The Rocky Horror Picture Show” que será apresentada pelo canal americano FOX).

A história gira em torno de um jovem casal de noivos cujo carro quebra durante uma tempestade perto de um castelo onde eles procuram um telefone para pedir ajuda. O castelo é ocupado por estranhos com trajes elaborados que estão a celebrar uma convenção anual. Eles descobrem que o chefe da casa é Frank N. Furter, um cientista louco que, na verdade, é um travesti alienígena que cria um homem musculoso em seu laboratório. O casal é seduzido separadamente pelo cientista e, posteriormente, liberado pelos servos.

Quem viverá o dr Frank N. Furter nesta nova montagem será o ator Marcelo Médici.

Primeira Montagem no Brasil

O país recebeu a primeira montagem do musical no mesmo ano em que foi lançado o filme. A direção ficou a cargo do ator e diretor Rubens Corrêa. Estreou no Teatro da Praia, no Rio de Janeiro em 1975.

lucassville-rocky-horror-picture-show-1975-nacional-rio-lp-wolf-mais-conde-trilha-download-filme-peça-teatro-09

Os papéis principais ficaram com Wolf Maia (Brad Majors), Diana Strella (Janet Weiss), Eduardo Conde (Frank N. Furter), Nildo Parente (o narrador) e Lucélia Santos (Baleira). Contou ainda com a participação do cantor Tom Zé, como o mordomo macabro Riff Raff. Acácio Gonçalves viveu o monstro, Rocky.

Os músicos Jorge Mautner, Zé Rodrix e Kao Rossman foram responsáveis pela versão em português das músicas. Quer ouvir como foram as versões das músicas da primeira montagem brasileira? Neste site – Rocky Music, The Musical World of Rocky Horror – você tem acesso a esta e outras gravações feitas nas montagens mundiais.