DOIS PERDIDOS NUMA NOITE SUJA

Escrita em 1966, Dois Perdidos Numa Noite Suja chega aos palcos do Teatro West Plaza dia 8 de março, sábado, às 20h, na pele de duas atrizes: Daliléa Ayala (Tonho) e Mayara Magri (Paco) – Uma representação inédita dentro da dramaturgia de Plínio Marcos nos tablados brasileiros. Daliléa, atriz reconhecida por grandes comédias, é a idealizadora do projeto.

A escolha em representar o sexo oposto vai muito além de considerar grandes papeis de Plínio Marcos, segundo o diretor Flávio Galvão, mas sim de mergulhar mais fundo no submundo de milhares de brasileiros. Uma realidade que, infelizmente, continua atual, como o próprio dramaturgo sempre afirmou.

Daliléa conta que a importância de montar Plínio Marques nos dias de hoje é justamente o sentido que seus textos fazem no nosso contexto. “Ele foi o dramaturgo mais censurado do país e de fato viveu o submundo de que escreve, conhecendo parte dos personagens que estão nas suas peças e passando pelo período do AI 5, na ditadura militar”, conta a atriz.

A falta de sustento político e social, o aumento do número de desemprego, a fome, a busca por uma vida melhor e a inserção no mundo do crime são alguns dos pontos ressaltados nos trabalhos de Plínio.

Sobre a peça

Dois homens completamente distintos, à margem da sociedade, vivem em condições miseráveis num único e denso ambiente. Numa relação conflituosa as personagens discutem sobre suas vidas, trabalho, expectativas, angustias, inseguranças, e anseios sobre a dura sobrevivência.  Levam para cena as mazelas de uma sociedade extremamente desumana, com diálogos grotescos e violentos, porém dinâmicos, despojados e emocionantes.

O sonho em ter um simples par de sapatos é um fato que desencadeia uma evolução crítica sobre o rompimento das classes sociais. São impossibilitados de realizar o que almejam quando se relacionam, um impedindo a satisfação das vontades do outro. E nessa oposição das vontades ocorre o embate entre as duas personagens, gerando constantes enfrentamentos pelo simples fato de um não aceitar a visão do outro.

O confronto entre os dois, num clima de desamparo e desespero crescentes, chega a leva-los à agressão física. Na busca de melhorar os seus dias, ambos são coagidos à realização de um ato que modificará radicalmente suas vidas. Palavras que sobem e descem determinam as situações humanas de ambos, que são levados de limite em limite, até o extremo fatal de uma realidade que condena de uma forma impiedosa.

FACE.png

Dois Perdidos Numa Noite Suja

Com Daliléa Ayala e Mayara Magri

Teatro West Plaza – Sala Nicette Bruno – Shopping West Plaza (Av. Francisco Matarazzo, s/n – Água Branca, São Paulo)

Duração 80 minutos

08 a 30/03

Sexta – 21h, Sábado – 20h

$50

Classificação 14 anos

CIA DO STAND UP

Cia do Stand Up é um projeto de sucesso criado por quatro grandes humoristas. Com trajetórias diversas e  estilos únicos de fazer humor, eles se revezam no palco, em apresentações de 15 minutos cada, entretendo a plateia sempre com olhar cômico sobre o dia a dia.

São eles:

Gustavo Pompiani: É fundador e integrante do Osascomedy, show que ficou em cartaz na zona oeste de São Paulo por mais de 4 anos.

Guto Andrade: este humorista da Zona Leste de SP tem mais de 1 milhão de acessos nos seus vídeos na internet. Participações no Prêmio Multishow e no canal Comedy Central. Fundador da Noite da Comédia Stand Up.

Oscar Filho: Pioneiro na comédia Stand Up do país, foi fundador e integrante do Clube da Comédia, o primeiro show de stand up comedy de São Paulo e há 10 anos em cartaz com seu “Putz Grill”. É ex-integrante do programa CQC.

Tiago Carvalho: Fundador e ex-integrante do show 4 amigos.

FACE

Cia do Stand Up

Com: Gustavo Pompiani, Guto Andrade, Oscar Filho e Tiago Carvalho

Teatro West Plaza – Sala Nicette Bruno – Shopping West Plaza (Av. Francisco Matarazzo, s/n – Água Branca, São Paulo)

Duração 60 minutos

17/03 até 28/07

Domingo – 20h30

$50

Classificação 14 anos

5 HOMENS E UM SEGREDO

Após mais de 02 anos na estrada, viajando o país, o espetáculo 5 Homens e um segredo, estreia no dia 15 de fevereiro em São Paulo em uma curta temporada no Teatro West Plaza. A Versão brasileira é livremente inspirada em “The Irish Curse” de Martin Casela por Aloisio de Abreu, com direção de Alexandre Reineck e no elenco os atores Gerardo Franco, Carlos Bonow, Iran Malfitano, Renato Scarpin e Cláudio Andrade.

Desde o início dos tempos uma pergunta assombra os homens: “tamanho é documento?” Para pânico geral da nação masculina, a resposta ainda parece ser sim.

Ambientada no Rio de Janeiro de hoje, a peça é um retrato contundente de como o ser humano e a própria sociedade definem a masculinidade. Para os personagens José Carlos, Luiz Orlando, Jorge Alberto e Ricardo, o tamanho importa e muito.

Não à toa, esse pequeno grupo se encontra todas as quartas à noite, no porão de uma igreja católica, em uma reunião de autoajuda para indivíduos com pênis pequeno. Esta característica em comum é o foco de suas lamentações semanais, atestando que o assunto ainda é um tabu e assombra os homens, que se sentem diminuídos em sua força e virilidade.

O grupo foi organizado por um padre e tem três frequentadores assíduos. Uma noite, porém, um novo integrante (Mário) se junta aos demais e os leva a se questionarem sobre as relações do grupo e sobre seus próprios medos e fantasmas. À medida que esses homens se abrem, segredos são revelados e vêm à tona questões sobre identidade, masculinidade, sexo, relacionamentos e status social, em uma jornada que pode redefinir suas vidas.

O NOME DELA É CATERING (2).png

5 Homens e um Segredo

Com Gerardo Franco, Carlos Bonow, Iran Malfitano, Renato Scarpin e Cláudio Andrade.

Teatro West Plaza – sala Laura Cardoso – Shopping West Plaza (Av. Francisco Matarazzo, s/n – Água Branca, São Paulo)

Duração 90 minutos

15/02 até 31/03

Sexta e Sábado – 21h30, Domingo – 18h

$70

Classificação 14 anos